Logo do estado

IECG

Versão para impressãoEnviar por email

Histórico:

O IECG foi criado em 24 de fevereiro de 1895, sendo o terceiro estabelecimento de ensino musical do Brasil. Seus objetivos principais são fomentar o ensino técnico e científico da música, buscando a formação de profissionais, utilizando o tripé Ensino, Pesquisa e Extensão, instalando e mantendo unidades de ensino musical em diferentes níveis, visando à formação de instrumentistas, cantores e regentes.

Cursos de Formação:

Cursos Regulares
Musicalização, Fundamental, Técnico e Superior (Bacharelado)

Cursos Livres
Violão Popular, Cavaquinho e Teclado.

Musicalização:

A musicalização busca a preparação e avaliação da criança durante um ano letivo. É precedido de um teste, no qual os candidatos são avaliados na sua coordenação motora e percepção auditiva. É condição obrigatória que o aluno já tenha sido alfabetizado. Após essa avaliação e garantia de sua vaga, a criança aprende no período de um ano as figuras e as notas musicais, a prática de canto coral, coral de flauta-doce, bandinha rítmica e outras atividades voltadas para o ensino da música infantil.

Curso Fundamental:

Também está dividido em três programas de execução:
 

Programa "A" (07 a 09 anos) - Piano, Violino, Violoncelo e Flauta Doce. Duração: 7 anos.

Programa "B"(10 a 14 anos) - Viola, Violoncelo, Contrabaixo, Violão Clássico, Saxofone, Flauta Transversal, Clarinete, Fagote, Oboé, Trompete, Trombone, Trompa, Tuba, Eufônio e Percussão. Duração: 4 anos.

Programa "C" (15 a 19 anos) - Violão, Contrabaixo, Percussão (incluindo Bateria) e Canto Lírico. Duração: 4 anos. Canto Lírico: duração de 2 anos.

Técnico Profissionalizante:

Os candidatos aos cursos técnicos devem estar cursando o ensino médio. A prova de ingresso aos cursos técnicos é dispensada para os alunos concluintes do curso básico do IECG, sendo exigida somente para candidatos estranhos. Estes são submetidos a dois testes: um teórico-prático, no qual são avaliados os conhecimentos de teoria musical e solfejo e um prático, composto de uma apresentação musical ou vocal, de acordo com o curso pretendido.

Habilitações:

Canto Lírico, Técnico em Instrumento, Mestre em Bandas e Regência de Coro.

Curso Superior (Bacharelado em Música):

O Curso de Bacharelado em Música foi autorizado pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) em 7 de agosto de 1995 por meio de um convênio celebrado entre a Fundação Carlos Gomes e a Universidade do Estado do Pará (UEPA). Em 2013, o Instituto Estadual Carlos Gomes, mantido pela Fundação Carlos Gomes, foi autorizado a ofertar o Curso de Bacharelado em Música de forma independente. Além das 3 habilitações que já vinham sendo ofertadas: Canto Lírico, Instrumento (Piano, Flauta Transversal, Clarinete, Fagote, Trompa, Trombone, Trompete, Saxofone, Oboé, Tuba, Percussão, Violino, Viola, Violoncelo, Contrabaixo e Violão) e Composição e Arranjo, o Curso ofertará em 2014 a nova habilitação "Regência de Bandas", com o objetivo de absorver jovens inseridos no contexto de bandas de música, forte tradição do Estado do Pará. O curso tem duração de 4 a 7 anos e funciona no período noturno nas dependências do Instituto Estadual Carlos Gomes (IECG).

 

PROJETO MÚSICA E CIDADANIA

O Projeto Música e Cidadania (PMC) é uma atividade de extensão da Fundação Carlos Gomes (FCG), realizada em parceria com escolas públicas, associações comunitárias e ONG’s, possibilitando a alunos do Instituto Estadual Carlos Gomes (IECG), a experiência para a aprendizagem do papel de educador musical, ao mesmo tempo em que expande e socializa suas atividades educacionais, levando ensino musical de qualidade a crianças, adolescentes, jovens e adultos, residentes na periferia da Região Metropolitana de Belém, contribuindo com a construção da cidadania.

Criado em 1999, o Projeto objetiva descentralizar o ensino musical do IECG, que a cada ano recebe mais candidatos interessados pelos seus cursos, tornando inviável o atendimento a grande parte dessa demanda, desta forma suprindo os anseios das comunidades que buscavam atividades para formação cultural de seus jovens e adolescentes.

Desde o início dos anos 1990 a Fundação Carlos Gomes, por meio de sua ação de Interiorização, vem se movimentando para descentralizar o ensino de música realizado pelo Instituto Estadual Carlos Gomes para outros municípios do Pará, fazendo parcerias com associações e ONG’s. Nesse processo, algumas entidades não governamentais da Região Metropolitana de Belém também se tornaram parceiras da FCG com a perspectiva da realização da educação musical como proposta de ação sócio-educativa. A Sociedade Beneficente Cristo Redentor, cuja parceria remonta desde o ano de 1999 e a Paróquia Nossa Senhora de Fátima, desde o ano 2000. Nos anos de 2003 e 2004, a ação sócio-educativa realizada passou a integrar o programa Pró-Paz do Governo do Estado, tendo sido denominada Projeto Escola Comunidade, quando foram acrescidos novos pólos nos bairros periféricos da capital, resultados do convênio com novas entidades. As atividades no ano de 2005 atenderam 1916 crianças e jovens e no ano de 2006 cerca de 2000 crianças e jovens. Em 2007 iniciaram as atividades junto com a Associação Paraense de Pessoas Portadoras de Deficiência.

Desde 2011, o PMC vem mudando o status de suas atividades de sócio-educativas para de ensino musical focando na profissionalização e na construção da cidadania. 

 

OBJETIVO GERAL

Expandir o ensino musical de qualidade, tornando-o acessível a crianças, jovens e adultos de bairros periféricos de Belém, potencializando e descobrindo talentos, contribuindo para a construção da cidadania.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Formalizar convênios com organizações governamentais e não governamentais para a viabilização do funcionamento do Projeto;
  • Possibilitar ao aluno de nível técnico do IECG, a experiência de educador musical por meio de estágio remunerado ou bolsas de monitoria7;
  • Inserir a entidade parceira e sua comunidade de atuação na programação cultural da FCG;

 

POLOS:

POLO I – Associação Filantrópica Icuí Solidário - AFIS

Endereço: Conj. Carnaúba, Al. A, N° 46 – Icuí- Guajará / Ananindeua

Fone: 3295-3545

POLO II – Lions Club de Benevides

Endereço: Pass. Das Adália, S/N – Bairro das Flores - Benevides

POLO III – Cidade de Emaús

Endereço: Rua da Yamada, 17 – Bengui.

Fones: 3238-8333 / 3238-9294 / 9162-0018

POLO IV – Sociedade Beneficente Cristo Redentor

Endereço: Rua dos Comerciários, 108,  entre Mario Covas e Benjamim Uma - Coqueiro

Fones: 3235-0277 / 9983-8727 / 3234-5691

POLO VI – Associação Paraense das Pessoas com Deficiência – APPD

End: Av. Magalhães Barata, Vila Teta, 213 – São Brás

Fone: 3249-4849

 

FCG: Av. Gentil Bittencourt, 909 - CEP: 66040-174 - Belém / PA - (91) 3201-9450
IECG: Av. Gentil Bittencourt, 977 - CEP: 66040-000 - Belém / PA - (91) 3201-9480

© Copyright 2013 Fundação Carlos Gomes - FCG. Todos os direitos reservados.